5 tecnologias que aumentam a eficiência no backoffice do setor financeiro

No Brasil e no mundo, o setor financeiro se destaca como o maior investidor privado em tecnologia, de acordo com a pesquisa Febraban de tecnologia bancária em 2020. Com 54% dos aportes alocados em desenvolvimento e melhoria de softwares, as instituições financeiras seguem avançando com foco na conveniência e experiência online dos usuários, e, otimização do backoffice. 

Assembleia Digital, Inteligência artificial, Internet das coisas (IoT), Big Data e Blockchain são termos cada vez mais integrados à rotina dos clientes, acionistas e backoffice do segmento financeiro. No Brasil, o setor bancário respondeu por 14% dos gastos totais em tecnologia no último ano, superando segmentos como Telecomunicações e Comércio (Febraban).

Esses movimentos do mercado traduzem o desafio de harmonizar clientes cada vez mais conectados e exigentes e, simultaneamente, instituições que enfrentam o desafio de serem eficientes e disruptivas.

 Quer saber como as soluções em tecnologia melhoram os processos do backoffice? Continue a leitura.

Tecnologia a favor do backoffice financeiro

Fluxos de trabalho mais inteligentes e integrados, que gerem eficiência e diminuam os custos são primordiais no setor bancário. Afinal, o segmento precisa balancear os fluxos do backoffice e a experiência de acionistas e clientes, em linha com a sólida  legislação nacional,  sendo regulamentado por órgãos como o  Banco Central (Bacen) e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Nesse sentido, a digitalização dos processos se revela estratégica para as instituições financeiras ao mitigar o retrabalho e otimizar as entregas do backoffice, em harmonia com a regulamentação nacional. 

Nessa perspectiva, conheça algumas soluções em tecnologia que modernizam o setor financeiro.  

Assembleia Digital

Instituições financeiras – a exemplo de bancos e fundos de investimentos – contam com  plataformas para a realização virtual das Assembleias, integrando comodidade para os acionistas e transparência para as deliberações, em linha com a legislação do setor.

Segura, essa solução moderniza e aperfeiçoa o extenso processo assemblear, centralizando documentos como Editais de convocação, votos dos acionistas e Atas. Assim, o backoffice passa a dispor dos dados e históricos das Assembleias de forma sempre atualizada e completa.

Concatenando tecnologia e processo assertivo, essa solução harmoniza as demandas de investidores conectados a uma realidade que exige eficiência de bancos e fundos de investimentos. 

Automação de processos no backoffice

Já conhecida no desenvolvimento de chatbots, a Inteligência Artificial se torna parte da realidade do backoffice de instituições financeiras, automatizando processos e, simultaneamente, processando e interpretando um expressivo volume de dados.

Desse modo, a rotina de entregas do backoffice ganha eficiência, reduzindo custos provenientes do retrabalho e integrando a equipe, além de permitir uma melhor gestão e alocação do capital humano.

Blockchain

Traduzido como uma “cadeia de blocos”, o Blockchain é uma tecnologia criptografada e descentralizada. Na prática, a solução agrega lisura e proteção às informações dos usuários de sistemas como o financeiro, permitindo que seja mapeado o acesso e uso dos dados.

Nas instituições financeiras, o Blockchain reduz a necessidade de intervenção manual, assegurando transparência e integridade das operações financeiras. Assim, o backoffice passa a dispor de mais um recurso contra fraude e inconsistências, aumentando a assertividade dos registros e simplificando os processos internos.

Internet das coisas (IoT)

A Internet das coisas (Internet of Things – IoT) tem como objetivo integrar equipamentos físicos à internet, tornando-os inteligentes. Com base em dados como gastos mensais e geolocalização, as instituições financeiras conseguem personalizar a experiência dos clientes e acionistas.

No backoffice, essa tecnologia tem a capacidade de inovar os sistemas de gerenciamento e tomada de decisão, em especial, quando articulada com a Inteligência Artificial e o Blockchain.  

Tecnologia cognitiva

Sistemas inteligentes, integrados e com a capacidade de aprender é a vertente de atuação da tecnologia cognitiva. A solução é baseada nos princípios de compreensão e raciocínio para a produção de modelos e ideias novas, indo além da mera programação.

Junto ao setor de backoffice das organizações financeiras, a tecnologia pode ser capaz de identificar riscos, propor fluxos, entregas e experiências otimizadas para a organização. Gerando não apenas redução de custos, como também identificando oportunidades.

Unindo tecnologia e a expertise humana, soluções digitais e eficientes passam a compor a rotina do backoffice do setor financeiro. Exponencialmente, conveniência e segurança virtual revelam um futuro integrado e multicanal (omnichannel).

 

Fonte: Soluti

Posts Relacionados