73 termos que todo Contador deve conhecer para obter mais sucesso


oda área profissional tem os seus jargões característicos, que até parecem outro idioma para quem está de fora. E essa realidade não é diferente para um Contador em meio ao exercício da profissão: passivo, amortização, exercício social, contas contábeis, exaustão e tantos outros que deixam qualquer um meio confuso.

Isso é um desafio para os profissionais, principalmente para os recém-chegados no mercado de trabalho, pois ainda têm muitas dúvidas acerca da atividade que é vital para a sobrevivência das empresas de todos os portes e segmentos. Mas não é só isso: quem se aventura por esse universo precisa aprender a lidar com inúmeras conceituações que demandam uma terminologia singular.

Por isso, com o intuito de auxiliar os Contadores no seu dia a dia, o Clube do Contador Certisign está traduzindo alguns termos do contabilitês, no glossário que segue. Vamos lá!

Glossário do Contador: 73 termos contábeis

Ação

Também conhecida por papeis. São as parcelas que integram o capital social de uma empresa, ou mesmo as unidades de títulos emitidas por sociedades anônimas. Quando as ações são expedidas por companhias abertas ou assemelhadas, são negociadas em Bolsa de Valores.

Acionista

também conhecido por “acionário”, é o titular que detém uma ou mais ações de uma empresa de capital aberto ou fechado. O acionista pode ser tanto pessoa física quanto jurídica.

Alíquota

percentual ou valor fixo que se aplica para o cálculo de um tributo.

Amortização

é a parcela anual retirada pelo proprietário da empresa para atender à depreciação de bens ativos – como veículos, máquinas, equipamentos, entre outros.

Aplicação financeira

compra de um ativo financeiro na expectativa de que, com um determinado tempo, ele produza um retorno do ponto de vista econômico. Ou seja: a pessoa espera não só obter de volta do dinheiro aplicado, mas também obter um valor excedente, a título de juros.

Ativo

é um termo empregue para expressar valores, bens, créditos e direitos que formam o patrimônio de uma empresa singular ou coletiva. Os ativos são divididos em circulante (curto prazo) e (não circulante) longo prazo.

Balanço patrimonial

é uma demonstração que tem por objetivo apresentar a situação financeira e contábil de uma empresa em um determinado período.

Balanço social

conjunto de dados que demonstram as atividades de uma empresa com a sociedade. Seu propósito é publicar a gestão econômico-social e o relacionamento com a comunidade na qual ela está inserida, apresentando o resultado de sua responsabilidade social.

Base de cálculo

valor sobre o qual se aplica a alíquota para calcular a quantia a pagar.

Bens

tudo aquilo de material ou imaterial, com valor econômico que uma empresa possui, seja para uso próprio, troca ou consumo.

Capital de terceiros

são os recursos externos angariados pelas empresas para custear suas atividades. Por exemplo: empréstimos, financiamentos e dívidas a fornecedores.

Capital próprio

também chamado de “patrimônio líquido”, representa os valores que os sócios têm na empresa em um determinado período.

Capital social

valor deliberado em estatuto ou contrato, aplicado pelos sócios ou acionistas nas atividades da empresa.

Certificado Digital

arquivo de computador que contém um conjunto de informações referentes à entidade para o qual o Certificado foi emitido, seja uma empresa ou pessoa física. *A Certisign é Autoridade Certificadora líder na América Latina e conta com uma rede de mais de 2.200 locais de atendimento por todo o Brasil e até no exterior. Além disso, quem é contador pode receber comissão pela revenda de Certificados Digitais por meio do Clube do Contador Certisign.

Contas contábeis

são a essência da Contabilidade que, inclusive, já foram chamadas, por este motivo, de “Ciências das Contas”. Elas se constituem de bens, direitos, obrigações, capital e reservas de uma empresa. O objetivo dessas contas é registrar as movimentações transcritas no livro diário.

Contabilidade

Ciência teórica e prática que estuda os métodos de cálculo e registro de patrimônios e movimentações de uma empresa de pessoas físicas, empresas em geral, terceiro setor e órgãos governamentais.

Custo

dispêndio de valores na fabricação de um produto ou no desenvolvimento de um serviço, bem como na comercialização de uma determinada mercadoria.

Demonstração contábil

segundo o Instituto dos Auditores Independentes do Brasil – Ibracon, na Norma e Procedimento da Contabilidade – NPC 27, “as demonstrações contábeis são uma representação monetária estruturada da posição patrimonial e financeira em determinada data e das transações realizadas por uma entidade no período findo desta data”.

Demonstração do Fluxo de Caixa – DFC

peça contábil fundamental para a análise da empresa, que mostra a posição financeira da entidade. Na prática, esse instrumento analisa as entradas e saídas de dinheiro, no quesito operacional, de financiamentos e de investimentos.

Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido – DMPL

documento que serve para comprovar as mudanças do patrimônio líquido. Não é uma demonstração obrigatória por lei, mas é imposta pela Comissão de Valores Mobiliários – CVM.

Demonstração das Origens e Aplicações de Recursos – Doar

relatório contábil que mostra as modificações financeiras da companhia, útil para a tomada de decisões econômicas da empresa.

Demonstração do Resultado do Exercício – DRE

tem a meta de evidenciar a formação do resultado líquido em um exercício por meio do confronto das receitas, despesas e custos. Tem por objetivo verificar se houve lucro ou prejuízo no exercício.

Déficit

resultado originado por despesas maiores que receitas.

Depreciação

perda de valor de um bem decorrente de seu uso ou do desgaste natural.

Deságio

depreciação do valor nominal de um título ou de um preço de uma mercadoria em relação ao seu valor de mercado.

Despesas

gastos que têm por princípio gerar receitas.

Doação

conforme especifica o artigo 538 do Código Civil, doação é o contrato em que uma pessoa, por liberalidade, transfere do seu patrimônio bens ou vantagens para outra pessoa.

Ebitda – Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization:

no Português significa “Lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização”.

Encargo

despesas do exercício que devem ser contabilizadas e consideradas dedutíveis do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro.

Estoque

bem destinado à comercialização.

Exaustão

redução do valor de investimentos necessários à exploração de recursos florestais ou minerais. A base de cálculo da quota anual de exaustão é o custo de aquisição dos recursos minerais explorados.

Exercício social: período de 12 meses em que, ao final, ocorre o encerramento e divulgação das demonstrações contábeis.

Fato administrativo ou contábil: são fatos que provocam mudanças patrimoniais ou de resultado. São divididos em fatos modificativos, permutativos ou mistos.

Fato gerador: fato ou conjunto de fatos que motivam a aplicação de um imposto sobre alguém.

Faturamento: valor da receita de bens ou serviços vendidos em um período específico.

Impostos: imposição de um encargo financeiro sobre o contribuinte a partir da prática de um fato gerador.

Investimento: aplicação de valores além da atividade principal da empresa, cujo propósito é gerar ganhos.

Junta Comercial: órgão governamental que faz os registros de comércio, como os registros de abertura e fechamento de empresas.

Juros: remuneração efetiva do capital, recebida pelo financiador, decorrente do prazo concedido. Podem ser nominais (que compreendem toda a remuneração que incide sobre a dívida, incluindo-se atualização monetária) e reais – apropriados ou pagos a título de juros nominais acrescidos do deságio existente na emissão e da atualização monetária do título.

Leasing: operação financeira entre uma empresa proprietária de determinados bens e uma empresa que usufrui desses bens contra o pagamento de prestações.

Longo prazo: todos os bens e direitos realizáveis em moeda ou passíveis de conversão com vencimento após o término do exercício social (ano seguinte).

Lucro Antes do Imposto de Renda – Lair: pode ser visualizado na DRE como o resultado apurado pela empresa que ainda não recebeu a incidência tributária decorrente desse fato gerador.

Lucro

Um dos termos contábeis mais comentados. Ocorre quando as receitas apuradas ultrapassam as despesas em uma empresa.

Margem

Quantia em dinheiro que sobra da receita obtida por meio da venda de um produto, serviço ou mercadoria. Normalmente é expressa em porcentagens.

Moratória

Bem de propriedade da empresa que tem como propósito a venda para geração de resultados.

Nota promissória

Título de débito pelo qual a pessoa se compromete a pagar certa quantia em dinheiro com prazo determinado.

Notas explicativas – NE

Dados complementares às demonstrações contábeis que relatam situações concernentes aos números apresentados nas contas, os quais precisam de posicionamentos mais detalhados.

Numerário

Dinheiro, moeda.

Obrigações

Dívidas da empresa e valores a serem pagos a terceiros.

Orçamento

Preço aproximado concedido a um cliente pela realização de um serviço.

Partidas dobradas

Teoria dos números positivos e negativos. É o conceito sistema-padrão usado em empresas e outras organizações para registrar transações financeiras.

Patrimônio

Objeto de estudo da Contabilidade. É o conjunto de bens, direitos e obrigações vinculados a uma pessoa ou entidade.

Pay-back

Tempo de retorno – relação entre o valor do investimento e o fluxo de caixa do projeto.

Pessoa física

Todo indivíduo, pessoa natural.

Pessoa jurídica

Normalmente, tem fins lucrativos, como as empresas, por exemplo, ou não, como é o caso das associações culturais, religiosas etc. União de indivíduos que, por meio de um contrato reconhecido por lei, formam uma nova pessoa.

Plano de contas

Conjunto de contas ordenadas e organizadas para serem utilizadas no decorrer das atividades de uma empresa.

Princípios contábeis

Normas dos fenômenos e eventos contemplados pela Contabilidade.

Provisão

Estimativa de uma provável perda ou despesa.

Realizável

tudo o que pode mudar, converter ou transformar em dinheiro.

Receitas

Ingresso de ativos que provocam aumento do patrimônio líquido da empresa.

Regime de caixa

Sistema no qual as despesas e receitas são contabilizadas apenas quando entram em caixa.

Regime de competência

contagem de resultados considerando o momento em que a transação ocorre.

Registro

Conjunto de informações relacionadas entre si, organizadas e mantidas por algum meio de armazenamento.

Rentabilidade

Ganho ou perda monetária ocorrida em um investimento que costuma ser apresentada em valores percentuais.

Reservas

Valores à disposição da empresa que se encontram no patrimônio líquido da mesma.

Superávit

É o vocábulo usado para expressar à conta “lucro do exercício” dos balanços empresariais privados.

Tarifa

Relação oficial das taxas sobre as mercadorias importadas ou exportadas.

Taxa

Espécie de tributo que os indivíduos e as empresas precisam pagar ao Estado.

Taxa de Juros

Cobrada pelo empréstimo de dinheiro e seu valor manifesto.

Taxa Interna de Retorno – TIR

Taxa obtida por meio dos fluxos de caixa de um investimento.

Taxa Mínima de Atratividade

Taxa de juros para especificar o mínimo de retorno que um investidor deseja ao aplicar capital em um determinado investimento.

Tributo

Receita instituída pela União, pelos Estados, Distrito Federal e municípios, compreendendo impostos, taxas e contribuições, nos termos da Constituição Federal e das legislações que tratam de matérias financeiras.

Zerar

Liquidar uma posição em títulos ou obrigações a pagar.

Existem várias outras expressões contábeis significativas no dia a dia de um Contador. São palavras complexas e, por isso, a dica do Clube do Contador Certisign é que essas terminologias sejam estudadas com frequência. Se isso for feito, o profissional estará sempre pronto a prestar um serviço com excelência e agilidade, gerando valor para si próprio e para os seus clientes.

Sentiu falta de alguma? Conta pra gente nos comentários do Facebook.

Fonte: Certisign


One comment

Deixe uma resposta