Reforma sindical e Lei da Liberdade Econômica

Pluralidade sindical versus unicidade sindical, consequências da reforma sindical para empregados e empregadores, o novo sindicalismo e o novo direito sindical e coletivo do trabalho são alguns dos temas que estarão em debate no evento Reforma Sindical – O que vai mudar?, que o CORHALE realiza nesta quarta, das 8h30 às 12h30, na sede da ABRH-SP.

Coordenador do CORHALE e diretor Jurídico da ABRH-SP, Carlos Silva será o mediador do debate, que terá as participações de Eduardo Pastore, advogado trabalhista e consultor na área das Relações do Trabalho da Fecomércio/SP; Fabiano Zavanella, sócio do escritório Rocha, Calderon e Advogados Associados e membro da Comissão Especial de Direito do Trabalho da OAB SP; e Mário Bittencourt, ex-executivo de empresas como Brastemp, Indústrias Monsanto, Arteb e Ford Brasil, atualmente sócio-diretor da BBCA.

Já a Nova Lei da Liberdade Econômica e os Impactos no Cenário Trabalhista será o tema do +Café & +Gestão que a Regional Metropolitana Oeste realiza em 29 de novembro, das 8h às 10h30, no WeWork (Alameda Mamoré, 687), em Alphaville, com o palestrante Luiz Eduardo Amaral de Mendonça, mestre e especialista em Direito do Trabalho, que atua com foco no Contencioso e Consultivo Trabalhista, Direito Previdenciário e Lei de Cotas.

“Vamos falar sobre a nova lei e o que muda nas organizações a partir de agora, além das transformações que podem ocorrer no cenário trabalhista e como as empresas devem se preparar para elas”, antecipa Luiz Eduardo.

Inscrições: https://abrhsp.org.br/eventos

Fonte: O Estado de São Paulo, 10 de Novembro de 2019.

ABRH-SP

Posts Relacionados

Leave a Comment