Retorno sobre investimento (ROI): o que é, como calcular?

ROI é a sigla para retorno sobre investimento ou, em inglês, Return On Investment. É uma métrica usada para analisar o retorno financeiro de qualquer tipo de investimento. Grosso modo, quanto um investidor ganhou ou perdeu em relação ao valor aplicado. Além disso, traz uma análise sobre o que aconteceu e uma perspectiva sobre o que pode acontecer com o capital.

Entre os indicativos econômicos do mundo financeiro, talvez o retorno sobre investimento seja um dos mais importantes, justamente, pela sua capacidade de visualizar o cenário da aplicação de forma completa e por poder ser aplicado em inúmeros tipos de investimento.

Para te ajudar a entender tudo sobre essa métrica, preparamos esse material com explicações detalhadas, sua importância no mundo dos negócios e exemplos práticos. Acompanhe o post e conheça o ROI.

O que é ROI? 

ROI é um KPI (Indicadores-chave de desempenho ou, em inglês, Key Performance Indicators) usado para avaliar o rendimento de qualquer forma de investimento financeiro, seja um projeto de pesquisa tecnológica, a compra de um equipamento, uma campanha de marketing, a aquisição de títulos de renda fixa para uma carteira de investimentos, treinamentos de capacitação, mídia paga, dentre outros.

Ao lado de indicadores como medidas de fluxo de caixa , taxa interna de retorno (TIR), valor presente líquido (VPL), o retorno sobre investimento é um dos mais usados para avaliar e validar uma aplicação, pois permite conhecer o retorno sobre tais iniciativas em diversas etapas do processo. 

Desta forma, é possível identificar se o investimento vale a pena e também buscar formas de otimizar ainda mais aqueles que já funcionam de maneira eficiente.

O ROI é uma excelente opção de análise para planejar metas baseadas em resultados tangíveis, garantindo assim, mais segurança e confiança às aplicações.

Como calcular o ROI?

O cálculo do ROI pode ajudar a sua empresa a visualizar o que está ou não funcionando no plano de negócios, para assim facilitar o processo de correção. A sua fórmula, geralmente expressa em porcentagem, é simples e consiste em:

ROI = (ganho obtido – valor do investimento) / valor do investimento

Quer um exemplo? Imagine que em uma aplicação de 10 mil reais da sua empresa, o retorno tenha sido de 100 mil reais. Aplicando a fórmula, temos:

ROI = (100.000 – 10.000) / 10.000

ROI = 9

Ou seja, o retorno sobre investimento foi de 9 vezes o valor do investimento inicial. Para visualizar em porcentagem, basta multiplicá-lo por 100 – no caso, 900% de retorno.

Agora, vamos ver uma mais complexa. Imagine que você tenha comprado mil ações de uma hipoteca por 10 reais. Um ano depois, você as vendeu por R$12,50. Os dividendos te renderam quinhentos reais no ano, e você precisou gastar R$125,00 em comissões de negociação. Assim, temos:

ROI = [(12,50 – 10,00) X 1.000] + 500 – 125 / (10 – 1.000)

ROI = 0,2875

O retorno sobre investimento foi de 0,2875 vezes o investimento inicial, que pode ser entendido também como um retorno de 28,75%.

Essa análise de desempenho permite que a empresa defina metas mais realistas ou realize correções emergenciais com mais firmeza e confiança

Além disso, o parâmetro pode ser usado para comparar o retorno sobre cada investimento individualmente e criar um planejamento estratégico de crescimento baseado naquilo que gera mais resultado, considerando o retorno e o tempo gasto para atingir tal objetivo.

Em outras palavras, o ROI torna possível descartar projetos financeiros que não dão retorno e apostar nas iniciativas que, de fato, fazem diferença nos lucros empresariais.

Quais são as vantagens da taxa de retorno sobre investimento?

Confira algumas das principais vantagens desse KPI:

É um indicador de lucratividade

O ROI funciona como um instrumento de medição de eficiência e inteligência da alocação de capital em investimentos, por isso a melhor proporção de lucratividade por aplicação é apontada com segurança.

O indicador permite que o lucro líquido dos investimentos seja relacionado a situações específicas, para visualizar e avaliar a sua performance em cada caso. Assim, os gestores podem definir estratégias para potencializar esse rendimento.

A longo prazo, a taxa de retorno sobre investimento de diferentes opções de aplicação  pode ser definida e, consequentemente, o lucro se torna mais assertivo.

Facilita a análise comparativa

Outra vantagem do ROI é o seu aspecto facilitador. Ele ajuda a fazer a comparação entre diferentes tipos de investimento, considerando a rentabilidade e a utilização do capital. Por essa razão, identificar as melhores formas de rendimento se torna muito mais fácil.

Faz uso da mesma base de dados

O indicador de retorno sobre investimento utiliza a mesma base de dados financeiros que os departamentos de contabilidade e RH (Recursos Humanos) por exemplo. Por isso, não exige a coleta de novos dados ou métricas para gerar suas informações.

Para calcular o ROI, basta as informações financeiras convencionais da empresa. A avaliação das taxas de retorno é realizada sem complicações.

Funciona em diversos setores da empresa

Como é um KPI para aplicação em diversas formas de investimento, o ROI pode ser usado em projetos financeiros de numerosos setores da empresa. A efetividade das aplicações de qualquer departamento pode ser mensurada com esse indicador.

Dessa forma, a taxa de retorno sobre investimento direciona o andamento desses projetos financeiros, visando a sua máxima rentabilidade e otimização dos lucros. Com isso, o ROI influencia os resultados da empresa com um todo, dando mais segurança e garantia aos pequenos e grandes investimentos.

Viu, só? Entender o que é o ROI pode ser um diferencial estratégico para qualquer setor da sua empresa, indispensavelmente para o financeiro! Quando calculado com atenção e em conformidade com os dados oficiais, ele pode apresentar as melhores práticas e ratificar um rendimento mais interessante para as aplicações da sua empresa.

Ter em mente a importância desse KPI de retorno sobre investimento traz segurança a aplicação e aos futuros projetos financeiros. Por isso, o ROI é indicado como uma das melhores taxas do mercado pecuniário.

Se interessou? Que tal saber ainda mais nesse artigo especial sobre ROI que separamos pra você? Clique aqui e saiba mais!

Fonte:Xerpa

Posts Relacionados

Leave a Comment