Rotinas de RH: quais são e como otimizá-las?

O setor de RH é um dos mais importantes em uma empresa, tendo em vista que trata da relação entre empregado e empregador. Com isso, o responsável pelas rotinas de RH tem muitas atividades para realizar, o que pode se tornar repetitivo, cansativo e, consequentemente, provocar erros operacionais.

Algumas atitudes podem fazer com que o profissional consiga ser mais produtivo e ágil em suas tarefas diárias, como a tecnologia. Então, preparamos este artigo com as principais funções da rotina de RH e como otimizá-las. Confira, a seguir!

Controle de horas trabalhadas

Fazer o controle dos pontos e os cálculos dos salários de todas as pessoas de uma empresa não é fácil, tendo em vista que é necessário incluir elementos, como:

  • adicional noturno ou de periculosidade;
  • faltas;
  • atrasos;
  • horas extras.

Quando se trata de colaboradores que trabalham em horários e dias fixos, o responsável pelo RH pode ter até certa facilidade, pois não há tantas oscilações. Contudo, existem os casos de pessoas que fazem horas extras, trabalham em regime de escala ou têm jornadas especiais.

É o caso de caminhoneiros, por exemplo, os quais precisam realizar sua jornada mensal, mas os horários mudam a cada viagem, por fatores como distância e imprevistos. Nessas situações, contar com a tecnologia é eficaz, pois o banco de horas é atualizado automaticamente e o RH se preocupa apenas com a estratégia.

Programa de benefícios

Nas organizações modernas, as políticas de benefícios são comuns, já que o salário não é mais o fator principal para manter um talento. A equipe precisa se sentir valorizada para que se torne mais motivada e produtiva. Então, essa política deve oferecer premiações em troca de bom desempenho.

Uma das formas mais comuns é o sistema de pontos, no qual o colaborador acumula pontuações a cada atividade listada no programa, por exemplo:

  • dar uma ideia inovadora — 1 ponto;
  • atingir as metas estratégicas — 3 pontos;
  • fidelizar um cliente — 3 pontos.

Ao atingir uma determinada pontuação, é possível usufruir de suas premiações, que podem ser desde uma gratificação salarial até um dia de folga. O setor de RH precisa ter uma rotina de controle bem feita, pois podem ocorrer erros ou dúvidas em relação aos pontos acumulados.

Para controlar, é possível contar com o auxílio do gestor direto, uma vez que é a pessoa que tem informações confiáveis sobre as atividades do funcionário. Em alguns casos, também é possível ter a colaboração de um software, como para saber as horas extras trabalhadas.

Admissão e desligamento

O primeiro contato de um potencial funcionário é com o RH, no momento de recrutamento e seleção. Esse processo é o responsável por escolher as pessoas que apresentam maior adequação ao cargo e à empresa. Uma escolha errada acarreta custos, perda de tempo e retrabalho, por isso, é importante que seja feita com bastante atenção.

No momento da admissão, a empresa deve solicitar algumas documentações ao novo colaborador, como a CTPS — Carteira de Trabalho e Previdência Social — e o ASO — Atestado de Saúde Ocupacional. O RH é responsável, ainda, por fazer a integração, que vai ter as atividades definidas de acordo com a cultura organizacional.

Por outro lado, quando o profissional precisa ser demitido, é o RH quem vai assumir o papel de comunicá-lo e explicar o motivo. O desligamento pode ser:

  • demissão sem justa causa;
  • demissão por justa causa;
  • acordo entre as partes;
  • demissão consensual;
  • pedido de demissão pelo funcionário.

Outras tarefas da rotina de RH

Além das atividades citadas, podemos ressaltar outras que são indispensáveis na gestão de um negócio de sucesso. Todas elas devem ser feitas com zelo e atenção, na intenção de reter talentos. Citaremos algumas:

  • capacitação da equipe;
  • controle de férias;
  • integração de novos colaboradores;
  • avaliação de desempenho.

As rotinas de RH envolvem atividades operacionais e estratégicas. Todas essas funções operacionais são otimizadas com o auxílio do software da FolhaCerta, o qual permite a coleta de ponto no celular do colaborador, divulga o saldo da compensação e banco de horas, disponibiliza o espelho de ponto e muito mais. Assim, o gestor consegue focar sua atenção na estratégia.

Gostou de conhecer mais sobre as principais rotinas? Para receber conteúdos como este, assine a nossa newsletter agora mesmo.

Fonte: Folha Certa

Posts Relacionados