Sebrae/PR reúne clientes e colaboradores para desenvolver soluções

Trabalho integra On Lab, laboratório que busca tirar do papel ideias que promovam a melhoria dos produtos e serviços para as MPEs

Um encontro para estimular a criação de soluções que possam incentivar a cultura da inovação e aprimorar a atuação do Sebrae/PR no mercado. Esse foi o objetivo do Wokshop On Lab, realizado nessas quinta-feira (30) e sexta-feira (31), em Curitiba. O evento integra o Projeto On Lab, um laboratório físico de criação de soluções para o ambiente de negócios de micro e pequenas empresas.

O workshop reuniu 29 pessoas, entre consultores, clientes do Sebrae/PR e agentes locais de inovação (ALI) de diferentes segmentos e perfis para debater ideias de projetos e ações que fortaleçam a comunicação e aumentem a visibilidade de eventos em todo Paraná. Segundo a consultora e gestora do projeto On Lab, Ieda Alvez de Souza, o objetivo é trazer o público que pode ser impactado pelos projetos para o centro da elaboração das soluções.

“Percebemos que, muitas vezes, as empresas criam uma grande solução que acaba não tendo a usabilidade desejada. Por isso, trouxemos diferentes tipos de públicos para entender suas percepções e para estimulá-los a participar do processo de desenvolvimento de soluções. Dessa maneira, poderemos resolver o problema ao colocar em prática uma ideia mais assertiva. Queremos gerar mais valor para os clientes do Sebrae/PR”, afirma.

A partir de metodologias que estimulam a criatividade e a empatia, os participantes desenvolveram dinâmicas para realizar o desenho das personas (representação fictícia do cliente ideal de um negócio), entender a jornada do cliente e, a partir dos problemas encontrados, desenvolver soluções. Os escolhidos pelo On Lab serão prototipados, testados e, após a validação, colocados no mercado.

A empresária Francielle Romani, uma das sócias-proprietárias da Salumeria Romani, empresa da região de Curitiba que possui o Selo Alimentos do Paraná, destacou a importância de estar presente em um espaço para a discussão de novas ideias e soluções. Segundo ela, o workshop permitiu que os empresários se aprofundassem em alguns pontos e oferecessem sugestões para aprimorar sua participação em feiras e outros tipos de eventos.

“Discutimos a criação de uma plataforma que permita aproximar outros empresários participantes do Selo Alimentos do Paraná antes da realização de eventos, como forma de ampliar a rede de contatos e facilitar a realização de negócios. Essa troca é importante porque possibilitaria a realização de vendas ou de parcerias com mais facilidade”, explicou Romani.

Já Jonathan Vieira, sócio-fundador da Hopisis, de Curitiba, que oferece uma plataforma para a área de gestão de pessoas, acelerada pelo Sebrae/PR no ano passado, afirmou que a experiência de cocriação com diferentes agentes do mercado pode trazer resultados significativos, inclusive para sua própria empresa. Ele sugeriu ações para tornar a divulgação de eventos ainda mais efetiva. “Discutimos a importância de promover esses eventos em plataformas online como o Sympla e também em locais como coworkings, aceleradoras e ambientes que concentrem startups. É possível usar o ecossistema de inovação para potencializar esses eventos e beneficiar outros empresários”, ressalta.

O evento também trouxe resultados importantes para os próprios colaboradores do Sebrae/PR, como a consultora, em Ponta Grossa, Suelen Pedroso da Costa. “Essa experiência de proporcionar uma vivência dos clientes com a equipe interna é muito positiva. Foram trazidos insights que nos aproximam ainda mais da realidade do cliente. São insumos importantes para criarmos as estratégias de novos produtos e serviços”, afirma.

Sebrae On Lab

O Sebrae On Lab é o laboratório de criação de soluções do Sebrae/PR que estimula a cultura de inovação, materializa ideias e projetos que promovem a melhoria de processos e a oferta de produtos e serviços aos clientes, colocando-os como atores no processo.

Para implantação do projeto o Sebrae/PR buscou inspiração em laboratórios de soluções de empresas como Magazine Luiza, Boticário e Renault. Depois disso, o On Lab foi validado pelo Sebrae Nacional. Durante um ano, o Sebrae terá o apoio da empresa MJV para a implantação das estratégias de trabalho, ensino de metodologias e estímulo à cultura da inovação. Após esse período, novas soluções devem ser colocadas em prática e o Sebrae/PR seguirá trabalhando com o projeto de forma independente.

Fonte: Agência Sebrae

Posts Relacionados

Leave a Comment