5 tecnologias que aumentam a eficiência no backoffice do setor financeiro

No Brasil e no mundo, o setor financeiro se destaca como o maior investidor privado em tecnologia, de acordo com a pesquisa Febraban de tecnologia bancária em 2020. Com 54% dos aportes alocados em desenvolvimento e melhoria de softwares, as instituições financeiras seguem avançando com foco na conveniência e experiência online dos usuários, e, otimização do backoffice.  Assembleia Digital, Inteligência artificial, Internet das coisas (IoT), Big Data e Blockchain são termos cada vez mais integrados à rotina dos clientes, acionistas e backoffice do segmento financeiro. No Brasil, o setor bancário…

continuar lendo ...

Como funciona tributação de corretora de seguros?

É muito comum ter dúvidas sobre o funcionamento da tributação de corretora de seguros, especialmente por causa da confusão entre o profissional que trabalha com a corretagem e a empresa que é especializada na venda de seguros de diferentes tipos e que, também, recebe o mesmo nome. Some-se a isso o fato de que a legislação tributária é complexa e que existem certas normas que são permitidas para um, mas não para outro, e erros acontecem mesmo. No entanto, esses erros podem sair bem caro. Em alguns casos, não entender…

continuar lendo ...

Conheça as vantagens do Certificado Digital A1

De acordo com os números divulgados pelo Instituto de Tecnologia da Informação (ITI), o total de Certificados Digitais ativos no Brasil atualmente já supera 10 milhões de unidades. Dessa quantidade, 99,3% corresponde aos Certificados do tipo A1 e A3, enquanto apenas 0,7% são de outros tipos. O Certificado Digital A3 é o modelo com maior adesão, representando 53,2% do total das unidades ativas. A categoria A1, por sua vez, representa 46,1% do total de Certificados ativos —, ou seja, uma parcela também significativa dos usuários. Os dados mostram que há…

continuar lendo ...

Representante legal ou responsável legal? Entenda a diferença entre eles.

No contexto empresarial, existem atos que a própria legislação impõe que sejam praticados por pessoas específicas, dados os efeitos jurídicos que podem gerar. É por esse motivo que as empresas precisam indicar, em seu contrato ou estatuto social, a pessoa física que atuará como representante legal, o qual poderá praticar os atos definidos em nome da pessoa jurídica. Diante disso, quem atua no ramo da contabilidade, certamente, já se deparou com os termos “representante legal” e “responsável legal”. Esses conceitos, apesar de terem certa semelhança, na prática, não são tidos…

continuar lendo ...

Min Carmén Lúcia: O valor de ICMS destacado na Nota Fiscal deve ser excluído da base do Pis-Cofins e deve haver modulação

O valor de ICMS destacado na nota fiscal deve ser excluído da base do Pis-Cofins, esse é o entendimento da Ministra Relatora Carmén Lúcia, que proferiu hoje o seu voto julgamento dos embargos de declaração apresentados pela União Federal no RE 574706. A Ministra afirmou que não há omissão, contradição, ou obscuridade no julgado referente ao RE 574706. Afirmou que a União pretende rediscutir a causa, o que não é possível no âmbito dos Embargos de Declaração. A Ministra esclareceu que o fato de o ICMS não compor a base…

continuar lendo ...

5 dicas de rapport em vendas

A mercado de Certificação Digital tem diversas vantagens competitivas, como a crescente digitalização das empresas e do governo, além da praticidade, segurança e economia gerada para os negócios . Para quem trabalha com a área, percebeu que diversas mudanças ocorreram ao longo dos últimos meses, principalmente, potencializadas pela pandemia. Uma das estratégias mais interessantes, nesse contexto, é aplicar o rapport em vendas. Com essa estratégia, é possível gerar uma relação de valor com o seu público e potencializar não só as negociações, mas também, a fidelização em seu negócio. Confira…

continuar lendo ...

CLT para PJ: como fazer a migração?

Cerca de 8 em cada 10 brasileiros sonham em largar o emprego atual e empreender, criando o próprio negócio. No entanto, esse não é um sonho fácil de realizar. Pelo contrário: migrar de CLT para PJ é um desafio para muitas pessoas, principalmente pelo fato de precisar trilhar um novo caminho e trabalhar por conta própria. É claro que muitas pessoas migram de CLT para PJ e continuam trabalhando dentro da mesma empresa. Apesar de ser uma prática comum, ela não é regular, mesmo após a flexibilização feita pela Reforma…

continuar lendo ...

STF: É constitucional o Difal exigido das empresas do Simples

É constitucional o DIFAL exigido das empresas do simples nacional. Esse foi o resultado do julgamento que acabou hoje no recurso extraordinário RE 970821-RS (tema 517). Por 6 votos contra cinco, os ministros decidiram manter o Difal. Votaram pela constitucionalidade os ministros Relator Edson Fachin, Luiz Fux, Gilmar Mendes, Nunes Marques, Rosa Weber e Dias Toffoli.  Votaram pela inconstitucionalidade os Ministros Alexandre de Moraes, Roberto Barroso, Cármen Lúcia e Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio. No processo julgado se questionava legislação relacionada a situações em que as mercadorias adquiridas não se…

continuar lendo ...

Quando há empecilho para a abertura da MEI?

As maiores dúvidas estão em casos de pessoas que atuam simultaneamente no regime CLT, ou ainda em relação ao funcionalismo público, aposentadoria por invalidez e até mesmo bolsa-família Não é à toa que os microempreendedores individuais são considerados a categoria que mais cresce no Brasil. Afinal, estamos falando sobre a criação de um CNPJ de maneira rápida, simples, sem grandes burocracias – além, é claro, dos diversos benefícios que o trabalhador passa a ter direito após formalizar o seu negócio. Mas, também nunca é demais lembrar quais são as regras…

continuar lendo ...

OAB ajuizou duas ADINs contra a postergação de pagamento de precatórios

A OAB ajuizou duas ADINs contra a postergação de pagamento de precatórios. De fato, a OAB Nacional inconformada com a edição da EC 109/2021, que prorrogou o prazo para pagamento de precatórios pela quinta vez e revogou o parágrafo que previa uma linha de crédito especial para pagamento dos precatórios submetidos ao regime especial de pagamento, ajuizou duas Ações Diretas de Inconstitucionalidade (ADI 6804 e 6805), com pedido de medida liminar. As ações foram distribuídas para o Ministro Marco Aurélio, que aplicou o rito do artigo 12 da Lei nº 9.868/1999,…

continuar lendo ...