Como Funciona O Simples Nacional Para dentistas?

QUAIS AS ALTERNATIVAS AO SIMPLES NACIONAL? 

Além do Simples Nacional, os dentistas podem optar pelo sistema de Lucro Real ou Lucro Presumido. 

Desses, o Lucro Real é muito complexo e é dedicado apenas a empresas de grande porte, com contadores próprios. 

Em relação ao Simples Nacional, a única alternativa mesmo é o Lucro Presumido. Nesse caso, a alíquota de imposto pode variar 13,33% a 16,33%, e dependendo do município mais 3,20% de adicional de IR, podendo totalizar até 19,53%. 

Sendo assim, o Simples Nacional para dentistas é mais vantajoso em qualquer caso, exceto na faixa do faturamento anual de R$ 3,6 milhões até R$ 4,8 milhões. 

Caso você afiliado fature mais do que isso em um ano, o ideal é optar pelo Lucro Presumido ou Lucro Real, dependendo do caso. 

Isso, claro, fazendo uma análise preliminar sem conhecimento de causa. É importante compreender que cada dentista pode apresentar um cenário específico que muda esse diagnóstico. 

Por isso é importante falar com um contador para saber se o Simples Nacional para dentista é a melhor alternativa para você. Caso não seja, torna-se interessante solicitar ajuda para escolher o melhor regime tributário e fazer sua contabilidade. 

Agora que você já conhece as configurações do Simples Nacional para dentistas, já sabe como lidar com a parte tributária da sua empresa. Caso tenha ficado alguma dúvida, entre em contato conosco para esclarecê-la! 

Fonte: Consultoria RR

Posts Relacionados

Deixe um comentário