Entenda como funciona o empréstimo consignado!

No momento de aperto financeiro, muitas pessoas buscam alternativas como o empréstimo para pagar as dívidas urgentes e não ter o nome negativado. Esse é o seu caso? O empréstimo consignado para aposentados e pensionistas do INSS está com regras novas, entenda de que forma ele pode te ajudar nesse momento.

Você sabe como funciona o empréstimo consignado? Ele é um tipo de empréstimo que tem a cobrança feita de forma automática no contracheque ou benefício previdenciário da pessoa. Além disso, seus juros são bem mais baixos em relação a outros tipos de empréstimos.

Mas assim como qualquer outro tipo de empréstimo, ele possui suas especificidades e pontos de atenção. Quer saber o que é necessário para contratá-lo? Acompanhe o post de hoje para tirar todas as suas dúvidas. Vamos lá?

O que é e como funciona o empréstimo consignado?

Crédito consignado é uma modalidade de empréstimo com garantias, pois tem suas parcelas descontadas diretamente do salário ou aposentadoria da pessoa. Na prática, isso significa que uma parte da renda ficará comprometida antes mesmo de o consumidor ter acesso ao valor.

Por esse motivo, os juros cobrados pelos bancos costumam ser menores se comparado a outros tipos de empréstimo. Afinal, o risco das parcelas não serem pagas são baixas, já que o valor é pago automaticamente.

No entanto, ainda que pareça ser uma boa opção para momentos de aperto, é necessário que você saiba exatamente como funciona o empréstimo consignado. Já que ele é um empréstimo como qualquer outro.

Ele possui uma margem consignável, que é um valor limite que pode ser descontado. Desse modo, o valor liberado será de acordo com a renda da pessoa.

Dentro dessa modalidade, há dois subtipos que você pode escolher:

  • empréstimo pessoal: quando você solicita o valor cheio ao banco e paga as parcelas mensais do empréstimo;
  • cartão de crédito consignado: funciona como um cartão de crédito comum, mas tem os valores descontados diretamente da folha de pagamento ou benefício do INSS. 

Na primeira opção, você pode parcelar o valor em até 84 vezes e ter até 9 contratos de empréstimos ao mesmo tempo. Os juros podem chegar a até 1,8% ao mês. Já o segundo, tem juros máximos de até 2,7% mensais.

Para quem é destinado?

O empréstimo consignado não pode ser contratado por todas as pessoas, apenas para quem possui uma renda fixa mensal. 

Desse modo, somente para os seguintes grupos:

  • trabalhadores com carteira assinada;
  • aposentados;
  • pensionistas;
  • servidores públicos;
  • militares das forças armadas.

Como contratar o crédito consignado?

A documentação necessária para o empréstimo consignado é simples, basta que a pessoa leve até o banco:

  • RG;
  • CPF;
  • comprovante de residência atual;
  • comprovante de renda atual.

O valor disponível será de acordo com a renda da pessoa, pois é necessário respeitar a margem consignável. Isso quer dizer que há um valor máximo do salário que pode ser comprometido para o pagamento desse tipo de empréstimo.

Há uma lei, a nº10.820 que determina o valor máximo da parcela desse empréstimo com sendo até 35% do salário do consumidor. Além disso, 5% desse limite só poderá ser usado no cartão de crédito consignado.

Além disso, para contratar o crédito consignado, outros tipos de análises são realizadas. É feita uma análise de crédito que considera o score de crédito e o perfil financeiro do solicitante.

Você sabe o que é score de crédito? Se quiser saber mais sobre o assunto e entender como aumentar o seu score, sugerimos a leitura complementar deste artigo.

Na análise, além da confirmação da documentação e do cadastro no INSS, o banco irá avaliar basicamente a margem consignável do solicitante através do extrato do pagamento, que pode ser retirado facilmente de forma online, para assim oferecer os prazos e valores do acordo.

Por isso, é fundamental que você mantenha seus dados atualizados e até mesmo faça uma consulta de sua margem consignável antes de fazer a solicitação de empréstimo. Assim, já terá uma noção de quais valores e taxas de juros estarão disponíveis para seu pedido, o que te ajuda a evitar erros e pedidos incompatíveis 

Em seguida, caso a proposta da instituição bancária seja aprovada pelo beneficiário, o próximo passo será a assinatura do contrato e o envio para a averbação no INSS. Todos esses passos podem ser realizados de forma online. 

Vale a pena contratar o empréstimo consignado?

Assim como qualquer outro tipo de empréstimo, há juros no empréstimo consignado. Portanto, é necessário avaliar cada tipo de situação. Ele pode ser um aliado ou inimigo de seu orçamento, já que compromete parte da renda mensal.

Portanto, é sempre necessário ter cautela na hora de contratar. Entenda a seguir quando vale a pena contratar ou não esse tipo de empréstimo. 

Sabemos que algumas vezes precisamos sair de dívidas maiores ou realizar um sonho, como comprar a casa própria, e, por isso, precisamos recorrer a um empréstimo. 

Então, separamos os prós e contras do empréstimo consignado para você avaliar se essa é uma boa opção para seu caso:

As vantagens do crédito consignado

Juros menores

O maior benefício desse tipo de empréstimo é, com certeza, os valores dos juros. Eles são os menores do mercado devido a maior garantia de pagamento. Além disso, geralmente, possuem taxas pré-fixadas, ou seja, o contratante saberá os valores a serem pagos no momento do contrato.

Agilidade na aprovação

Por serem de baixo risco, a análise de crédito e aprovação do empréstimo é muito mais rápida. Em média, após o retorno da análise de crédito da pessoa, leva de 48 a 72 horas para o valor do empréstimo chegar à sua conta. A operação é feita de forma totalmente online.

Para saber se o empréstimo consignado foi aprovado, basta que o contratante acompanhe seu processo por meio de APP ou site do Meu INSS.

Facilidade no pagamento

Por ser descontado diretamente da folha de pagamento ou benefício do INSS,  os riscos de não pagamento são reduzidos. Assim, não importa se a pessoa se esquecer do dia que ele é cobrado, o valor é deduzido automaticamente.

Menos riscos de inadimplência

O pagamento automático reduz também as chances de inadimplência. Desse modo, não é possível que a pessoa comprometa o valor destinado ao pagamento das mensalidades com outras dívidas.

Prazos mais longos

As instituições financeiras costumam oferecer prazos de pagamentos mais longos no empréstimo consignado. Em alguns casos, os bancos oferecem até 120 meses para a quitação da dívida.

Desvantagens do crédito consignado

Riscos de perder o emprego

Uma das principais dúvidas sobre como funciona o empréstimo consignado é esta: o que acontece se eu perder o emprego?

Considerado um dos principais contras desse tipo de empréstimo, caso você perca o emprego e trabalhe em uma empresa privada terá que quitar a dívida de uma vez só.

Caso não seja possível, você possui a alternativa de trocar o tipo de empréstimo, mas os valores dos juros provavelmente serão mais caros.

Além disso, é comum que os bancos descontem até 30% do valor recebido na rescisão. Por isso, é necessário ficar atento ao contrato.

Dívida de longo prazo

O prazo para pagamento do empréstimo consignado é bem longo, isso pode ser uma vantagem ou desvantagem para a pessoa. Sabemos que imprevistos acontecem a qualquer momento e ter parte do salário mensal comprometido pode ser uma desvantagem.

Não é possível adiar parcelas

O desconto é feito diretamente de seu pagamento, portanto, você não poderá adiar ou suspender o débito. Você também poderá encontrar mais dificuldade para renegociar o empréstimo, caso tenha essa necessidade.

Há alternativas para o empréstimo consignado?

Ao saber como funciona o empréstimo consignado, fica mais fácil entender se ele é ou não a melhor opção para você.

Caso queira uma alternativa para casos de emergência financeira, é possível contar com a opção de adiantar o seu salário ou décimo terceiro. Mas como fazer isso?

Uma excelente opção para reduzir situações negativas, pois permite que os funcionários das empresas que utilizam a plataforma, solicitem parte do salário a qualquer momento do mês, ou então peça o adiantamento do décimo terceiro, evitando assim, o endividamento de colaboradores.  

Agora que você já sabe como funciona o empréstimo consignado pode optar pela melhor opção para a sua situação. Assim como outros tipos de empréstimo, ele possui vantagens e desvantagens. Por isso, analise corretamente as suas condições e perfil financeiro. Isso é fundamental para não acabar se endividando mais ainda.

Fonte:Xerpa

Posts Relacionados